Infeliz com o seu corpo e em meio a uma rotina agitada, Diana encontrou uma solução prática para fazer refeições balanceadas e emagrecer 14 kg sem se privar de nada

Por Diana Cortez | Fotos Arquivo Pessoal | Adaptação web Ana Paula Ferreira



A empresária Diana P. G. Santos, de Passos (MG), sempre foi magrinha. Mas, há dez anos, viu essa realidade mudar. “Casei e comecei a ganhar peso. Fiquei grávida aos 23 anos e tive muita dificuldade de voltar para os meus originais 50 quilos”, conta.  Diana até conseguiu eliminar parte do peso, mas os ponteiros estacionaram nos 58 quilos e ela desanimou. “Parei a atividade física e desencanei de tudo. Engordei mais 8 quilos e fui parar nos 66! Estava com 42% de gordura e apenas 23% de músculos.”

Quando batia o desespero, ela deixava de comer o que gostava.  Mas bastava ficar ansiosa para voltar aos velhos hábitos: chocolate,  sorvete, açaí com creme de avelã,  leite condensado... Para piorar, Diana ficava muitas horas sem se alimentar,  achando que perderia os quilos que ganhou.

Aos 29 anos, sedentária e com baixa autoestima, Diana tinha pouca energia, mas achava que era um reflexo da idade. Até que uma viagem com duas amigas a Balneário Camboriú (SC) a fez enxergar a realidade. “Fiquei assustada ao ver o meu corpo cheio de celulite e gordura. Um das minhas amigas, com 20 anos a mais, estava bem melhor do que eu. Então, decidi ali que iria mudar!” 

Quando voltou, uma amiga a chamou para fazer uma degustação de shakes por três dias. “Adorei o resultado. Eliminei peso e achei muito prático, pois estava trabalhando até tarde por conta do Natal e não tinha tempo para cozinhar. Substituí os meus lanches por shake.” Aliado a isso, ela passou a consumir mais água, fibras e chás. “Também deixei os refrigerantes e reduzi a bebida alcoólica. Para minha surpresa, depois de 90 dias, estava 10 quilos mais magra. Até chorei de emoção!” 

Diana resolveu intensificar o resultado investindo em aulas de pilates cross.  Ela continuou usando o shake no café da manhã e manteve as refeições equilibradas, caprichando na proteína. Resultado? “Emagreci 4 quilos e aumentei minha massa muscular para 31%. Ganhei uma definição abdominal que nunca tive”, comemora.

Os segredos do sucesso da Diana

Capriche na proteína

“Inclua alimentos ricos nesse nutriente em pelo menos três refeições, pois saciam por mais tempo e são termogênicos.”

Desafie-se!

“Experimente colocar metas de seguir uma alimentação saudável por três dias, 15 dias, um mês, dois meses... Você vai se empenhar e se motivar com o resultado!”

Malhe sempre

“Pratique uma atividade física que te dê prazer todos os dias! Assim, ela se torna um hábito gostoso e não uma obrigação.”

Quer conferir mais histórias de inspiração? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!