Cadastre seu e-mail e receba todas as novidades da Corpo a Corpo



*Por Patricia Davidson Haiat

Consumir água ajuda o intestino a funcionar melhor e faz

uma espécie de faxina organismo / Foto Shutterstock

É verdade que beber água ajuda a emagrecer?

De certa forma, sim, pois quando você não se hidrata adequadamente, prejudica a metabolização de vários nutrientes importantes no processo de perda de peso. A ingestão ideal de água (cerca de 2 litros por dia) também colabora com a sensação de saciedade, freando o impulso de comer sem fome; ajuda o intestino a funcionar melhor e faz uma espécie de faxina organismo, pois favorece a eliminação de toxinas que provocam inchaço – muitas vezes, o aumento de peso mostrado na balança se deve à retenção de líquidos no corpo, e não ao acúmulo de gordura.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br!

Quer conferir mais dicas sobre nutrição e saúde? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

Consumir em excesso a bebida pode trazer problemas à saúde

Foto Shutterstock 

Tomar muito chá verde faz mal?

Depende de cada pessoa. Como a bebida é estimulante, se você tem pressão arterial alterada, insônia ou doenças relacionadas ao coração, por exemplo, precisa ter cautela na hora de consumi-la. Nesses casos, não exceda uma xícara de chá por dia. Se não sofre com nenhum desses problemas, pode tomar até quatro xícaras por dia.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br!

Quer conferir mais dicas sobre nutrição? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

Confira as dicas da nutricionista Patricia Davidson Haiat para

fazer um hambúrguer saudável / Foto Shutterstock

Amo hambúrguer. É possível fazer dele uma refeição saudável?

Sim, mas o hambúrguer tem que ser preparado em casa, com a garantia de não conter excesso de sal, gordura ou aditivos como corantes, aromas artificiais e estabilizantes químicos. São essas substâncias, adicionadas às carnes industrializadas que, acumuladas no organismo, levam a alterações hormonais, dificuldade para metabolizar nutrientes e desequilíbrios no intestino. 

Preste atenção também aos acompanhamentos do sanduíche: queijos magros, legumes fatiados e salada verde são os melhores – e podem até substituir o pão.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br!

Quer conferir mais dicas de nutrição? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Chico Salgado

Chico Salgado indica iniciar os treinos de forma gradativa

Foto Shutterstock

Nunca malhei, mas quero começar. Posso fazer crossfit?

Como em toda atividade física, o certo é começar de forma gradativa, respeitando suas aptidões e limites físicos. Essa regra vale ainda mais para o crossfit, que envolve movimentos extremamente técnicos e treinos em alta intensidade. Com um bom profissional orientando uma progressão correta, é possível sim, iniciar sua rotina de exercícios com o método. Ainda assim, aconselho que você faça musculação como complemento para fortalecer as articulações e melhorar a execução e a segurança na prática do crossfit.

*Chico Salgado é Personal Fighter e líder de uma das equipes mais disputadas do Brasil, a Chico Salgado Team. Treina famosas como Sabrina Sato, Grazi Massafera, Carolina Dieckmann, Bruna Marquezine e Giovanna Ewbank.

Mande suas dúvidas para pergunteaopersonal@escala.com.br!

Quer conferir mais dicas sobre treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Eduardo Magalhães

A acupuntura melhora a circulação do corpo

Foto Shutterstock

Dá para emagrecer com acupuntura

Não diretamente. A técnica com agulhas melhora a circulação e ajuda na eliminação de toxinas pelo organismo e, por estimular o sistema nervoso simpático, acaba aumentando as substâncias que degradam os lipídeos (ou seja, ajudam a eliminar as gorduras). Mas calma, não pense que isso é suficiente para emagrecer

Seguir uma alimentação balanceada e exercitar-se regularmente, esses sim são hábitos essenciais quando se busca a perda de peso. Junte tudo isso à acupuntura e o objetivo será alcançado.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer saber mais sobre saúde? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Eduardo Magalhães

Saiba quais benefícios os animais oferecem para

nossa saúde / Foto Shutterstock

É verdade que ter um animal de estimação é bom para a saúde?

De fato, estudos mostram que conviver com bichos pode trazer benefícios à saúde. A vitalidade cardiovascular, por exemplo, sai ganhando quando o pet é uma motivação para fazer caminhadas diárias.

Crianças, adultos e idosos demonstram melhora em casos de depressão, ansiedade e isolamento social quando há um animal por perto. Isso se deve ao aumento da ocitocina, hormônio relacionado ao amor, e à diminuição do cortisol, associado ao estresse. E isso não se restringe apenas aos cachorros, viu? Bichos em geral são capazes de oferecer esses benefícios.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer saber mais sobre saúde? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

Veja quais alimentos podem oferecer o cálcio presente no leite

Foto Shutterstock

 Não tomo leite. O que devo comer para suprir o cálcio?

Uma das maiores preocupações de quem não gosta ou é intolerante ao leite é o possível déficit de cálcio e o enfraquecimento dos ossos. Mas esse não é o único nutriente importante para garantir a saúde óssea – outros minerais, como magnésio, manganês e zinco, também contribuem –, nem os laticínios são as únicas fontes de cálcio. 

Aposte em vegetais verde-escuros (como brócolis, e couve), também ricos em cálcio, e em vitamina K (cenoura, alface e couve-flor), responsável pela fixação do mineral nos ossos – parte dela é produzida pelas bactérias boas no intestino e a outra parte deve vir da alimentação.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br!

Quer tirar mais dúvidas sobre nutrição? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Eduardo Magalhães

Saiba possíveis causas pelos quais você boceja muito

Foto Shutterstock

Ando bocejando demais. Pode ser sinal de algo errado no meu organismo?

Esse é um possível sinal de vários problemas. Pode ser pelo consumo excessivo de açúcar, por exemplo, presente nos grãos refinados, doces e sucos industrializados. Isso eleva o nível de insulina no sangue e leva a um quadro de hipoglicemia, o que estimula a vontade de bocejar. Outra causa, também pela alimentação ou digestão ruim, pode ser a produção de energia nas células, que não recebem nutrientes adequadamente. 

Há ainda, a possibilidade de se tratar de um quadro conhecido por fadiga adrenal, em que a glândula adrenal tem dificuldade de produzir níveis adequados do hormônio cortisol. Com isso, você fica irritada, fadigada e sonolenta. E, claro, não dá para esquecer que a sequência de bocejos pode significar que você está dormindo pouco – o ideal seria, pelo menos, sete horas de sono por noite.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer tirar mais dúvidas sobre saúde? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Chico Salgado

O personal trainer Chico Salgado orienta a fazer crossfit de forma perioditizada

Foto Shutterstock

Adoro crossfit, mas vivo com dores na lombar e nos ombros. Tenho que parar de treinar?

Apesar de normalmente existir uma progressão para os movimentos mais técnicos e complicados, queixas de dor e lesão na região lombar, assim como em quadril, ombros, joelhos e cotovelos pelo excesso de movimentos que envolvem essas articulações, são comuns.

O que sugiro é fazer crossfit de forma periodizada. Assim, você não irá treinar braços, por exemplo, em dois dias seguidos. Alternar as sessões com séries de musculação com foco em core, pernas e ombros também pode ajudar a evitar lesões. E, importante: saber reconhecer os limites do seu corpo para tentar se superar sempre com prudência.

*Chico Salgado é Personal Fighter e líder de uma das equipes mais disputadas do Brasil, a Chico Salgado Team. Treina famosas como Sabrina Sato, Grazi Massafera, Carolina Dieckmann, Bruna Marquezine e Giovanna Ewbank.

Mande suas dúvidas para pergunteaopersonal@escala.com.br!

Quer tirar mais dúvidas sobre treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Eduardo Magalhães

nutrólogo Eduardo Magalhães explica se ter o IMC alto é um risco para a saúde do coração

Foto Shutterstock

Um IMC alto é sempre perigo para o coração?

O índice de massa corporal é um parâmetro usado para estimar quanto de gordura o indivíduo tem no corpo, mas nem sempre sinaliza esse risco. Ele é calculado a partir da razão entre peso (em kg) e estatura (em metros) ao quadrado, sem levar em consideração o percentual de gordura de cada um. Por isso, a medida perde confiabilidade em pessoas com bastante massa magra, por exemplo. 

Pelo cálculo, um sujeito musculoso pode apresentar um IMC elevado sem estar com sobrepeso. A relação entre as medidas de cintura e quadril (RCQ) é mais fiel para prever o risco de doença cardiovascular. Para calcular, é só dividir a medida da cintura pela do quadril. Para as mulheres, o resultado seguro é abaixo de 0,80.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer tirar mais dúvidas sobre saúde? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

 

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

Entenda qual a importância da primeira refeição do dia para nosso metabolismo

Foto Shutterstock

Por que dizem que o café da manhã é a refeição mais importante do dia?

Após o jejum noturno, é importante oferecer nutrientes ao organismo para regular os hormônios e ajudar no funcionamento adequado do metabolismo, além de fornecer energia para o dia que está começando. 

Algumas pesquisas indicam, ainda, que tomar um café da manhã completo em nutrientes (com carboidrato, proteína e fibras) garante saciedade ao longo do dia e diminui o risco de ficar beliscando fora de hora.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br!

Quer tirar mais dúvidas sobre nutrição? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

Cada óleo possui propriedades diferentes. Veja qual se adequa mais às suas necessidades

Foto Shutterstock

Qual óleo é mais saudável para o preparo de comidas quentes?

Cada um possui propriedades diferentes. O de coco é rico em gorduras saturadas, gera energia rápida e não se acumula no corpo na forma de tecido adiposo. Além disso, tem propriedades antiviral e antifúngica e, de todos, é o que melhor suporta altas temperaturas sem ter as propriedades degradadas. 

O óleo de canola, apesar de ser rico em ômegas 3 e 6, é resultado de cultivo transgênico com sementes modificadas, ou seja, é necessário avaliar os riscos dele para a saúde e o metabolismo. O de soja tem ação antioxidante graças ao ácido linoleico e é o mais indicado para frituras e grelhados, mas não deve ser reutilizado. 

O azeite, o mais saudável por suas gorduras monoinsaturadas, que atuam como antioxidantes, pode ser usado para refogados e aquecimentos rápidos, mas perde os benefícios nutricionais quando exposto a altas temperaturas - o ideal é usá-lo como tempero e na finalização de pratos.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br !

Quer tirar mais dúvidas sobre nutrição? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Eduardo Magalhães

A gordura visceral favorece quadros de aterosclerose e trombose e o aumento da

resistência à insulina, aumentando o risco de desenvolver diabetes / Foto Shutterstock

Por que a gordura visceral é considerada mais perigosa do que a subcutânea?

Porque ela libera mais substâncias inflamatórias do que a subcutânea, abrindo espaço para doenças. Ela, que se acumula entre os órgãos abdominais, está diretamente relacionada a alterações nos fatores de coagulação, favorecendo os quadros de aterosclerose e trombose e o aumento da resistência à insulina, aumentando o risco de desenvolver diabetes.

A gordura visceral atua também na resistência à leptina, hormônio fundamental para a saciedade e o controle do peso corporal. Mas vale saber que as duas são importantes para a saúde – a visceral serve para proteger os órgãos internos e a subcutânea funciona como reserva de energia.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer saber mais sobre saúde? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Chico Salgado

Aumentar as variáveis tempo e intensidade ajuda a melhorar o fôlego para a corrida

Foto Shutterstock

Tenho força, mas não tenho fôlego para corrida. Como posso melhorar isso?

Como toda aptidão física, o seu fôlego para corrida pode ser desenvolvido de forma progressiva, assim como sua força foi. Procure combinar seus treinos resistidos com atividades aeróbicas como pedalar, correr, pular corda ou fazer aula de lutas. Então, vá aumentando as variáveis tempo e intensidade conforme for observando melhora no rendimento.

*Chico Salgado é Personal Fighter e líder de uma das equipes mais disputadas do Brasil, a Chico Salgado Team. Treina famosas como Sabrina Sato, Grazi Massafera, Carolina Dieckmann, Bruna Marquezine e Giovanna Ewbank.

Mande suas dúvidas para pergunteaopersonal@escala.com.br!

Quer conferir mais dicas de treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

O pão faz parte do grupo de alimentos fontes de carboidrato 

Foto Danilo Tanaka

Quando como alimentos fontes de carboidrato sinto fome pouco tempo depois. Por quê?

Isso acontece porque alguns carboidratos são rapidamente absorvidos pelo organismo, o que provoca um pico de insulina e, em seguida, uma queda nos níveis de glicose no sangue, fazendo com que o apetite desperte em torno de duas horas depois. 

Uma estratégia eficiente nesses casos é consumir grãos integrais e raízes (batatadoce, mandioca, inhame), ricas em fibras e carboidratos complexos, aumentando a saciedade. Ao consumir frutas, prefira-as in natura, com uma fonte de fibra (como chia ou aveia) ou gordura boa (óleo de coco, por exemplo) para ficar saciada por mais tempo.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br !

Quer saber mais sobre dieta e alimentação? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Chico Salgado

Saiba qual a sequência correta para treinar

Foto Shutterstock

Há uma sequência certa para o treino de musculação?

O ideal é começar com movimentos multiarticulares (que envolvem mais de uma articulação e grupo muscular). No caso dos membros superiores: supino, flexão de braço, remada e desenvolvimento com halteres, por exemplo.

Deixe para a parte final aqueles exercícios que estimulam um músculo de cada vez – que focam apenas no bíceps ou no tríceps, ainda falando de braços. Assim, você evita que eles entrem em fadiga antes da hora e prejudiquem a execução dos demais movimentos.

*Chico Salgado é Personal Fighter e líder de uma das equipes mais disputadas do Brasil, a Chico Salgado Team. Treina famosas como Sabrina Sato, Grazi Massafera, Carolina Dieckmann, Bruna Marquezine e Giovanna Ewbank.

Mande suas dúvidas para pergunteaopersonal@escala.com.br!

Quer saber mais dicas de treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Eduardo Magalhães

Saiba qual a relação entre nossas emoções e nosso organismo

Foto Shutterstock

Quando fico nervosa ou ansiosa, o primeiro a se manifestar é meu intestino: ou fica preso ou solto. É normal?

Bastante normal. É preciso entender nosso organismo como um sistema integrado, em que todas as células estão interligadas. Para facilitar o raciocínio, podemos reduzi-lo a tríades, de acordo com o grau de afinidade entre os órgãos. Uma tríade clássica é a de cérebro, pele e intestino. Quando um desses pilares está desequilibrado, os outros dois poderão ser afetados. Fala-se, inclusive, do intestino como o segundo cérebro porque lá são produzidos neurotransmissores como a serotonina, que responde pelo bem-estar, a disposição e a felicidade. Ou seja, preso ou solto, o importante é procurar maneiras de relaxar a fim de que o intestino seja normalizado.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer saber mais sobre saúde? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

O especialista deve avaliar individualmente o caso de cada pessoa para indicar 

qual dieta atende suas necessidades / Foto Shutterstock

Fracionar a dieta é mais saudável do que fazer menos refeições?

Não necessariamente. Se você, por falta de organização, fica longos períodos sem comer e está sempre com muita fome quando vai se alimentar, talvez seja necessário acrescentar refeições intermediárias ao longo do dia. Em outros casos, porém, comer menos vezes pode ajudar a controlar a compulsão alimentar e facilitar a perda de peso. A avaliação é muito individual.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br !

Quer saber mais sobre dieta e alimentação? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Chico Salgado

O agachamento é o exercício mais indicado para

firmar a parte interna da coxa / Foto Fabio Mangabeira

Qual é o melhor exercício para firmar a parte interna das coxas?

Meu preferido é o agachamento sumô (em que as pernas ficam mais afastadas do que a largura dos quadris e os pés apontados para fora), embora o agachamento tradicional e o leg press também acionem essa área. 

Pode segurar uma anilha ou halter na frente do corpo para aumentar a sobrecarga, se tiver preparo para isso. Mas mesmo que já treine, não exagere no peso e aumente-o progressivamente.

*Chico Salgado é Personal Fighter e líder de uma das equipes mais disputadas do Brasil, a Chico Salgado Team. Treina famosas como Sabrina Sato, Grazi Massafera, Carolina Dieckmann, Bruna Marquezine e Giovanna Ewbank.

Mande suas dúvidas para pergunteaopersonal@escala.com.br!

Quer saber mais dicas de treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Chico Salgado

Confira a melhor forma de conquistar resultados melhores no treino de braço

Foto Christian Parente

Para ter braços definidos é melhor fazer mais repetições ou aumentar a carga?

Não é o número de repetições ou a carga que fará com que o músculo fique definido se o seu percentual de gordura estiver alto. Ou seja, é preciso, primeiro, perder gordura para que, então, o músculo apareça. O ideal, portanto, é mesclar exercícios com peso (que estimulam a tensão muscular) e um número alto de repetições, para acionar o metabolismo

Realizar 12 repetições com carga moderada é o sufi ciente. Lembre-se: é o conjunto de uma boa alimentação e exercícios aeróbicos que irá ajudá-la a ter um corpo definido por completo.

*Chico Salgado é Personal Fighter e líder de uma das equipes mais disputadas do Brasil, a 
Chico Salgado Team. Treina famosas como Sabrina Sato, Grazi Massafera, Carolina Dieckmann, Bruna Marquezine e Giovanna Ewbank.

Mande suas dúvidas para pergunteaopersonal@escala.com.br!

Quer saber mais sobre treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Eduardo Magalhães

Treinos leves e moderados são mais indicados para fumantes

Foto Shutterstock

 Sou fumante, mas faço atividade física. É uma maneira de amenizar os prejuízos do cigarro?

O sedentarismo é considerado o novo tabagismo e já representa a principal causa de mortes prematuras no mundo. Ou seja, se você ainda não conseguiu se livrar do vício, a prática de exercícios é quase uma obrigação. 

Mas não se trata de treinar excessivamente. As toxinas do cigarro reduzem a resistência à fadiga da musculatura esquelética, o que derruba a performance e favorece lesões musculares. 

Treinos leves e moderados são os mais indicados, pois ajudarão a melhorar a capacidade cardiorrespiratória, atenuando os prejuízos do tabagismo. O ideal é mesmo diminuir o cigarro, e não aumentar a quantidade de exercício.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer saber mais sobre outros métodos de depilação? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

Saiba se é verdade que as mulheres sentem mais fome durante o período menstrual

Foto Shutterstock

Tenho muito apetite quando estou menstruada. É normal?

Uma das alterações pelas quais o organismo passa nesse período é a queda nos níveis de serotonina, considerada um supressor natural da fome. Para produzi-la, o cérebro precisa de uma substância chamada triptofano, encontrada em alimentos como banana, chocolate, aveia e grão-de-bico. 

Além do triptofano, há uma necessidade maior de consumir alimentos ricos em magnésio, cálcio e ferro (carnes, leite, ovos, folhas verdes), já que a deficiência de minerais pode induzir a fome. Dica para domar a gula fora de hora: coma uma banana polvilhada com canela e chia. Além disso, vale realizar exames a fim de identificar possíveis carências nutricionais.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br !

Quer saber mais sobre alimentação? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Chico Salgado

Saiba qual é a melhor hora para alongar o corpo

Foto Shutterstock

Posso fazer alongamento antes do treino de musculação?

Não é o momento mais indicado. Não há dúvida de que o alongamento traz benefícios para o corpo (relaxa os músculos e melhora a flexibilidade), mas precisa ser feito no momento adequado. 

Antes de treinar, prefira aquecer com alguns minutos de esteira ou bicicleta ou realizar alongamentos dinâmicos, como polichinelos, rotações de quadris ou corrida no lugar. 

O alongamento estático, em que você segura determinada parte do corpo em uma posição por alguns segundos, pode gerar um estresse muscular e acabar prejudicando o rendimento na musculação. Deixe-o para depois da aula e aproveite o relaxamento que ele proporciona.

*Chico Salgado é Personal Fighter e líder de uma das equipes mais disputadas do Brasil, a Chico Salgado Team. Treina famosas como Sabrina Sato, Grazi Massafera, Carolina Dieckmann, Bruna Marquezine e Giovanna Ewbank.

Mande suas dúvidas para pergunteaopersonal@escala.com.br!

Quer saber mais sobre treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Eduardo Magalhães

Entenda a relação entre exercícios e a produção

de radicais livres / Foto Shutterstock

É verdade que praticar exercícios aumenta a produção de radicais livres?

De modo geral, o fato de estarmos vivos e respirando estimula a fabricação de radicais livres, que aumenta conforme cresce a demanda por oxigênio. Durante a atividade física, quando o organismo utiliza mais oxigênio, não poderia ser diferente. 

Isso não quer dizer que praticar esportes seja ruim para a saúde, pelo contrário. Quem treina pesado deve cuidar da hidratação (repondo os líquidos perdidos) e da alimentação (ingerindo fontes de antioxidantes). 

Fazer a reposição de melatonina também é uma boa opção para atletas, pois esse hormônio protege o DNA celular contra os danos causados pelos radicais livres. Mas é preciso haver indicação e acompanhamento de um profissional.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer conferir mais sobre saúde? Então corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Eduardo Magalhães

Saiba como evitar os enjoos constantes / Foto Shutterstock

Sinto-me enjoada o tempo todo. Esse sintoma pode ser sinal de alguma doença?

Sim. Problemas hepáticos, hipertensão arterial, refluxo gastroesofágico, gastrite, doença celíaca e até mesmo as de fundo emocional, como os transtornos de ansiedade, causam enjoo.

Para evitá-lo, mantenha-se sempre hidratada e evite o consumo de café, refrigerante, soja, laticínios, trigo, álcool e açúcar. Se ele persistir, recomendo uma avaliação médica.

*Eduardo Magalhães é nutrólogo e especialista em Medicina Preventiva e Integrativa. Todo mês, ele responde perguntas das leitoras em sua coluna. 

 

 

 

Mande suas dúvidas para perguntedrsaude@escala.com.br !

Quer conferir mais dicas de saúde? Então corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>

*Por Patricia Davidson Haiat

Fique atento aos dois tipos de problema!

Foto Shutterstock

Qual a diferença entre intolerância e alergia?

Na intolerância, o corpo apresenta reação a determinados alimentos consumidos com certa frequência, e essas manifestações podem ocorrer algumas horas ou até três dias após a ingestão. Ela também pode ser causada pela dificuldade do organismo em metabolizar determinado ingrediente ou nutriente, como é o caso da intolerância à lactose. Os sintomas mais presentes são relacionados ao trato gastrointestinal, como diarreia, gases e distensão abdominal. 

Na alergia, a pessoa manifesta os sintomas imediatamente após o consumo, o que se deve à liberação de anticorpos substâncias que têm como objetivo ajudar o organismo a combater o agente estranho - geralmente a proteína do alimentos, como o glúten ou a proteína do leite de vaca. Os sintomas vão desde diarreia e vômitos a problemas de pele e déficit de crescimento.

*Patricia Davidson Haiat é nutricionista funcional e coautora de livros como Nutrição Clínica Funcional: dos princípios à prática clínica. Tem entre suas principais clientes Bruna Marquezine, Paolla Oliveira, Giovana Antonelli, Sabrina Sato, Mariana Rios e Sheron Menezzes.

Mande suas dúvidas para perguntenutri@escala.com.br !

Quer conferir mais dicas de saúde? Então corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!

Continue Lendo >>