assine

Cadastre seu e-mail e receba todas as novidades da Corpo a Corpo



Texto Livia Valim | Adaptação Isadora Couto

Veja dicas de como amenizar as rugas no colo

Foto: Danilo Borges

Exercícios que movimentam muito a região podem causar rugas de expressão, que são as linhas verticais. “Hidrate bem a área todas as noites e, se o problema persistir, recorra a tratamentos estéticos, como preenchimento com ácido hialurônico ou mesoterapia com hidratantes injetáveis”, aconselha Jardis Volpe, dermatologista (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed.315

 

Continue Lendo >>

Texto Livia Valim | Adaptação Isadora Couto

O cloro da piscina pode ressecar a pele

Foto: Danilo Borges

Provavelmente, pois o cloro causa ressecamento dos cabelos e da pele. "Imediatamente depois de sair da piscina, tome uma ducha e espalhe hidratante em todo o corpo”, diz Jardis Volpe, dermatologista (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed.315

 

Continue Lendo >>

Texto Redação Corpo a Corpo | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Rosto oleoso

É preciso tomar cuidado ao escolher os produtos para

aplicar na pele oleosa

Foto: Danilo Borges

Preciso estar sempre maquiada no trabalho. Meu rosto é oleoso e fica cheio de acne. O que devo fazer? - Aline Rodrigues, Rio de Janeiro (RJ)

“O segredo é escolher produtos leves e fluidos, em formulações livres de óleo”, revela a dermatologista Graça Silveira (RJ).

Usar make pesado causa obstrução dos poros e só isso já pode determinar o surgimento e/ou a exacerbação das espinhas. Diversos cosméticos possuem versões não comedogênicas, específicas para este problema.

“Lembre-se: a pele oleosa deve ser desengordurada de duas a três vezes ao dia, com sabonetes que contenham ácido salicílico, enxofre ou triclosan”, orienta Graça. “Pode-se controlar o problema com medicamentos tópicos à base de peróxido de benzoíla, ácido azeláico ou ácido retinoico, de acordo com a intensidade das lesões”, sugere.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 257

Continue Lendo >>

Texto Livia Valim | Adaptação Isadora Couto

Veja como evitar os calos nas mãos durante a musculação

Foto: SXC 

 

Aposte em cremes à base de ureia em altas concentrações (manipulados por dermatologistas), pois, além de hidratar, ela também causa uma esfoliação leve, sem irritar a pele. Vale ainda optar por luvas que não apertem as mãos e sejam acolchoadas para uma proteção extra; explica Leninha Nascimento, dermatologista (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed.315

 

Continue Lendo >>

Texto Livia Valim | Adaptação Isadora Couto

Fazer exercícios com maquiagem é ruim para a pele? 

Foto: Danilo Borges 

"Sim, pois o make dificulta a transpiração normal da tez, o que pode entupir os poros e causar espinhas e cravos." Deixe para aplicá-lo depois da   malhação, diz Jardis Volpe, dermatologista (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed.315

 

Continue Lendo >>

Texto Livia Valim | Adaptação Isadora Couto

A corrida pode deixar o rosto flácido?

Foto: Fábio Mangabeira

 

Infelizmente, a resposta é positiva para corredoras, mas aquelas que percorrem longas distâncias. “Além do impacto, a corrida promove consumo da gordura facial, que ajuda na sustentação da face”, explica Jardis Volpe, dermatologista (SP). A dica é investir em tratamentos estéticos e cosméticos que ativem a produção de colágeno.

Revista Corpo a Corpo | Ed.315 

Continue Lendo >>

Texto Livia Valim | Adaptação Isadora Couto

Veja o porque aparecem espinhas durante o treinamento

Foto: Danilo Borges

Talvez seja uma produção excessiva de sebo pelas glândulas sebáceas ou culpados suplementos que você toma.

“Aqueles que contêm vitamina B12 ou que aumentem a produção dos andrógenos podem causar acne. Algumas pessoas também ficam com mais acne usando suplementos à base de proteína”, esclarece Jardis Volpe, dermatologista (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed.315

Continue Lendo >>

Texto Lívia Valim | Adaptação Isadora Couto

Veja como usar o protetor solar na academia 

Foto: Beto Lima

As lâmpadas emitem uma quantidade bem pequena de radiação ultravioleta e de luz visível. “Por isso, recomendo o uso do protetor apenas para quem tem alguma doença fotossensível, como o melasma e a rosácea”, afirma Leninha Nascimento, dermatologista (SP).

Se, no entanto, você malhar perto de uma janela, a aplicação desse tipo de produto já se torna fundamental, mesmo que não tenha nenhum problema de pele como os citados.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 315

Continue Lendo >>

Texto Bárbara Rossi | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

cabelo

Vale a pena investir em xampu sem sulfato

Foto: Danilo Borges

Vale a pena investir em xampu sem sulfato?

Sim. No Brasil, é costume ligarmos a presença de espuma com boa limpeza dos fios, mas uma coisa não está relacionada à outra.

O sulfato, na verdade, retira a oleosidade natural dos fios, responsável por protegê-los. Por ser mais agressivo na limpeza, ele pode causar problemas como queda de cabelo, ressecamento e irritabilidade do couro cabeludo. Se as madeixas já estiverem danificadas, seja por tratamentos químicos ou coloração, os danos costumam ser ainda maiores.

“Se não for possível trocar o xampu comum por um sem sulfato, vale intercalá-los”, aconselha Ulisses SJ, hairstylist do Blend (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed. 315

Continue Lendo >>

Texto Redação Corpo a Corpo | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Cabelo

Para deixar os cabelos hidratados, aplica a máscara após

o xampu

Foto: Danilo Borges

Qual a forma correta de utilizar a máscara hidratante capilar industrializada: logo após o xampu ou só depois do condicionador? A ordem de uso interfere no resultado? - Maria Paula Bonna, São Paulo (SP)

Deve-se usar este cosmético após lavar os cabelos com xampu. “A máscara tem a função de tratar o interior dos fios, hidratando-os. Já o condicionador cuida da parte externa e complementa o uso da máscara”, explica Rodolfo Sena, do Vimax Art Hair Beauty (SPSP).

A ordem de aplicação influencia justamente por este fato: o condicionador fecha as cutículas do fio e, por isso, deve ser aplicado depois da hidratação. “Ao usar a máscara, retire o excesso de água antes de aplicar o cosmético”, alerta o hairstylist. “Espalhe o produto somente no comprimento e nas pontas, mecha a mecha e penteie. Ao término do tempo de pausa indicado pelo fabricante, enxágue e condicione os cabelos, normalmente.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 257

Continue Lendo >>

Texto Tatiana Duarte | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

cabelos

Especialista explica se é melhor descolorir de uma vez 

ou clarear os cabelos aos poucos

Foto: Danilo Borges

Tenho o cabelo castanho-escuro e gostaria de me tornar loira. O que é mais indicado: descolorir e tingir de uma vez ou clarear aos poucos? - Priscila Aguiar, Rio de Janeiro (RJ)

“O procedimento a ser adotado depende muito da habilidade do profissional e do estado do cabelo”, explica a cabeleireira Valdelice Alcântara, do salão Val Cabeleireiros (SP).

Em um cabelo natural ou que tenha feito tintura apenas uma vez ou há muito tempo, é possível descolorir e aplicar a coloração loira no mesmo dia. “Já quem está há anos tingindo os fios deve ir clareando aos poucos, baixando o tom para marrom, castanho, até atingir a nuance de loiro desejada”, diz. Cabelos frágeis não têm estrutura para suportar a descoloração.

“E, depois do procedimento, é recomendável fazer hidratações semanais no salão por pelo menos dois meses. Depois, o intervalo pode ser maior”.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 254

Continue Lendo >>

Texto Tatiana Duarte | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Cremes

Cosméticos com ingredientes naturais hidratam a pele

Foto: Danilo Borges

Cosméticos com ingredientes naturais, como proteína de soja e extratos de frutas, são mesmo capazes de penetrar na pele e trazer benefícios? - Priscila Borgeses, Brasília (DF)

“Os ativos naturais podem ter ação antioxidante, hidratante, emoliente e até promover uma suave descamação, renovando a pele”, explica a dermatologista Adriana Leite (SP ). Porém, a ação destas substâncias é local e sua penetração é limitada, já que elas não chegam à corrente sanguínea.

“Diversas técnicas, como a nanotecnologia, permitem que os ingredientes sejam encapsulados em ‘transportadores’ que levam estes ativos para diferentes camadas da pele, resultando em um melhor aproveitamento”, destaca.

Nos cosméticos, estes ativos não são muito concentrados, para evitar o risco de efeitos colaterais, mas a ação não se compara à ingestão dos mesmos alimentos.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 255

Continue Lendo >>

Texto Tatiana Duarte | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Acne

Procedimentos ajudam a acabar com as marcas de

acne no rosto

Foto: Danilo Borges

Tenho muitas marcas de acne no rosto, da época da adolescência. É possível eliminá-las com algum procedimento cirúrgico? - Paola Braga, Goiânia (GO)

“Há vários procedimentos que podem ser adotados, dependendo da idade e do tipo da pele”, conta o cirurgião plástico Alexandre Barbosa, da Clínica de Cirurgia Plástica de São Paulo (SP). “Desde o lifting, já que a acne precoce produz uma flacidez na pele, como se fosse uma plástica de ruga, bem como os peelings mecânicos, laser ou químicos”.

No caso dos peelings, só os mais profundos trazem benefícios. É aplicado um ácido, que causa ardência intensa, por 20 minutos. Em poucos dias, forma-se uma crosta marrom-escura que cai entre 10 e 15 dias.

“Se as marcas forem muito profundas, é melhor fazer um preenchimento, em que produtos compatíveis com a pele são aplicados com uma agulha na derme profunda, a fim de elevar a cicatriz”, explica o cirurgião.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 254

Continue Lendo >>

Texto Tatiana Duarte | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Dentes brancos

Enxaguatórios bucais em excesso podem prejudicar

a saúde bucal

Foto: Danilo Borges

Ouvi dizer que usar enxaguatório bucal em excesso pode ser prejudicial. Por quê? - Maria Carolina Passos, Belém (PA)

Os enxaguatórios bucais têm dupla função: matar as bactérias e impedir sua multiplicação. “Existem algumas pesquisas que mostram que o uso diário dos enxaguatórios seria prejudicial, porque o produto não seleciona apenas as bactérias que causam cárie. Ele age sobre toda a flora bucal e afeta também as bactérias que não causam cáries”, comenta o cirurgião dentista Flávio Luposeli (SP).

“Como algumas destas bactérias nocivas são bastante resistentes e podem sobreviver ao produto, não teriam mais outras bactérias com quem competir e sua proliferação seria maior”.

Mas o dentista crê que a moderação é a melhor saída, ou seja, não é preciso eliminar o uso do produto, mas também não deve haver exagero. “Caso seu dentista recomende o uso, duas vezes por dia é uma boa medida”, finaliza o expert Flávio Luposeli.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 254

Continue Lendo >>

Texto Redação Corpo a Corpo | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Sabonete íntimo

Sabonete íntimo pode ser usado diariamente

Foto: Shutterstock

Toda mulher pode usar sabonete íntimo diariamente? Existe alguma contraindicação ou risco de desenvolver problemas? - Jane Santos, São Paulo (SP)

Como todo o corpo, a região genital precisa ser higienizada diariamente e, para isso, é melhor utilizar um produto específico. “Os sabonetes íntimos foram desenvolvidos para atender às necessidades da mulher, sendo mais indicados que os neutros, já que o pH da vagina é mais ácido”, revela a dermatologista Cláudia Pires Amaral Maia (RJ).

O uso pode ser iniciado a partir da primeira menstruação. Apesar de não haver problema em empregá-lo no dia a dia, o uso excessivo ou interno pode causar irritação, alergia, corrimento e até infecções mais sérias, pois isso elimina as defesas naturais da flora vaginal, abrindo espaço à proliferação de bactérias nocivas.

Muitos sabonetes vendem a ideia de que mantêm o pH original da vagina, mas nem sempre isso ocorre. “Verifique a composição do sabonete e observe se não há substâncias que provocam alergia. Se houver antissépticos na fórmula, passe longe!”, completa.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 256

Continue Lendo >>

Texto Tatiana Duarte | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Tênis

Tênis para corrida deve ser confortável

Foto: Fábio Mangabeira

Quais aspectos devo considerar ao comprar um tênis para corrida? - Isabella Fontes, Campinas (SP)

Amortecimento, ventilação, conforto e durabilidade são questões importantes”, afirma o treinador de corrida Marcos Paulo Reis (SPSP).

É preciso observar o seu tipo de pisada, que pode ser neutra, pronada (quando a parte de fora do calcanhar toca o chão; o pé inicia a rotação para dentro e só depois se endireita) ou supinada (o oposto de pronada, com rotação para fora). “O solado mais indicado é o de borracha. Um corredor pronador, por exemplo, tem no seu tênis uma borracha mais escura na parte interna, exatamente para segurar a pronação”, explica Marcos Paulo.

Já o tecido deve ser leve e de secagem rápida. “Mas é bom evitar lavar os tênis com frequência, para evitar desgastes”. Também é indicado comprá-los quando os pés estiverem um pouco inchados, o que em geral ocorre no final do dia. Assim é possível perceber se o calçado não vai ficar desconfortável.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 255

Continue Lendo >>

Texto Cáren Nakashima | Adaptação Isadora Couto

RPG ou Pilates para melhorar a postura?

Foto: Shutterstock

Os dois métodos são indicados. Porém, o RPG alivia dores com movimentos que alongam toda a musculatura. “Além de corrigir a postura, resolve problemas crônicos de coluna, tonifica os músculos, melhora asma e bronquite, etc.”, explica Giuliano Martins, fisioterapeuta (SP).

Já o pilates trabalha corpo e mente, com uma série de exercícios que reorganizam os músculos da região superior da coluna e do quadril. “Desajustadas, essas regiões promovem uma postura de hipercifose, também conhecida como corcunda”, explica Eliane Coutinho, professora e PhD em pilates (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed. 315

Continue Lendo >>

Redação Corpo a Corpo | Adaptação: Nathália Henrique

Sofro com cãibras enquanto durmo. Consigo evitá-las?

Foto: Fabrizio Pepe

Associadas à hiperexcitação dos nervos, falta de vitaminas, inatividade do músculo e desidratação, a dica para evitar as cãibras é se alongar 15 minutos antes de dormir, ingerir muito líquido e consumir alimentos ricos em cálcio e magnésio. “O uso de medicamentos com vitamina E, complexo B, verapamil, cloroquina e gabapentina combate as contrações, porém, devem ser recomendados pelo médico”, explica Ary Elwing, angiologista (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed. 315

Continue Lendo >>

Texto Carolina Caprioli | Edição Cáren Nakashima | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Food Truck

É preciso ter alguns cuidados ao comer em food trucks

Foto: Danilo Borges

Devo temer a comida servida nos food trucks?

Os caminhões personalizados que servem comidinhas estão tomando o Brasil. A novidade agrada a todos os paladares, e serve até pratos leves que não comprometem a sua dieta.

“Algumas refeições são preparadas com ingredientes de alta qualidade e valor nutricional, mas também há outros altamente calóricos”, alerta Lúcia Flávia Carpilovsky, nutricionista (RJ).

Porém, antes de experimentar as delícias você deve observar as condições de higiene do local. Atenção aos detalhes: os alimentos devem ser manuseados com luvas e toucas, o armazenamento dos ingredientes precisa ser refrigerado e o descarte de resíduos deve ser feito em recipientes apropriados. “A exposição a alimentos contaminados ou fora do prazo de validade causa infecções intestinais. E se eles forem descartados de maneira incorreta podem atrair animais como os roedores, por exemplo, que transmitem a leptospirose”, alerta a nutricionista

Revista Corpo a Corpo | Ed. 313

Continue Lendo >>

Texto Carolina Caprioli | Edição Cáren Nakashima | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

pós-treino

Especialista explica por que não é indicado tomar

anti-inflamatório após os treinos

Foto: Caio Mello

Estou com dores pós-treino, posso recorrer ao anti-inflamatório?

Além de prejudicar a síntese proteica, diminuindo o efeito do treino, a dor intensa é um sinal de lesão e precisa ser avaliada e tratada por um profissional.

Portanto, não mascare os sintomas com automedicação, pois é isso o que os anti-inflamatórios fazem, o que pode causar graves efeitos colaterais em médio e longo prazos.

“Se a dor persistir, suspenda a atividade imediatamente e procure um médico”, afirma Roberto Ranzini, ortopedista e médico do esporte (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed. 313

 

 

 

Continue Lendo >>

Texto Carolina Caprioli | Edição Cáren Nakashima | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Água

Especialista explica os riscos de tomar água do volume morto

Foto: Shutterstock

Se eu beber água do volume morto corro risco de saúde?

O abastecimento de água está em crise em certas regiões do País. Algumas pessoas já notaram que o líquido não é mais o mesmo, com uma aparência diferente, principalmente na coloração.

Isso pode ser causado pelo fornecimento proveniente do volume morto – a água que fica no fundo das represas, abaixo do nível de captação das comportas e que acumula sujeira, sedimentos e metais pesados.

Está com medo de matar a sede? Vale tomar alguns cuidados, então. “O tratamento deve ser mais rigoroso, pois as impurezas retidas no fundo podem fazer que haja um crescimento de micro-organismos que alteram a qualidade da água, contaminando-a”, alerta Alvaro Pulchinelli, médico diretor regional da Associação Paulista de Medicina (SP).

Para se prevenir, valem os cuidados básicos: jamais beba o líquido direto da torneira, filtre antes de beber, higienize e troque regularmente os filtros e, na dúvida, recorra à água mineral engarrafada

Revista Corpo a Corpo | Ed. 313

Continue Lendo >>

Texto Carolina Caprioli | Edição Cáren Nakashima | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

Bebida alcoólica

Bebida alcoólica pode prejudicar a saúde 

Foto: Shutterstock

Ingerir álcool semanalmente faz muito mal?

Já virou rotina: toda sexta-feira – depois de uma semana estressante – você sai do trabalho e vai para o happy hour com amigas. A única coisa que você não deve imaginar é o quanto você está prejudicando sua saúde.

Mesmo que em pequenas quantidades, o álcool pode ser um vilão se consumido semanalmente. Por quê? Ele é metabolizado de forma diferente nas mulheres, devido às variações hormonais além da maior quantidade de gordura no organismo. O resultado é que nos embriagamos mais rapidamente.

Para entender melhor: a mesma cerveja que seu namorado, amigo ou irmão toma, equivale a duas para você. “Os piores danos causados no organismo são no cérebro, especialmente na memória e concentração”, completa Lúcia Flávia Carpilovsky, endocrinologista do Hospital Adventista Silvestre (SP).

Revista Corpo a Corpo | Ed. 313

Continue Lendo >>

Texto Carolina Caprioli | Edição Cáren Nakashima | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

corrida

Especialista explica se a corrida pode prejudicar os joelhos

Foto: Shutterstock

Estou pensando em praticar corrida, mas tenho medo de prejudicar meus joelhos. Procede? 

Começar a correr e quem sabe disputar uma maratona. Se isso já passou pela sua cabeça, mas você é iniciante ou intermediária em atividade física, precisa ir devagar.

“As mulheres têm chances maiores de lesionar as articulações devido à tendência ao geno valgo, ou mais conhecido como joelho em X. Eles são mais próximos um do outro”, explica Roberto Ranzini, ortopedista e médico do esporte (SP).

Está decidida e vai encarar o desafio? Faça uma avaliação médica prévia para detectar fatores predisponentes, realize exercícios específicos para fortalecer a musculatura dos membros inferiores (como musculação), capriche nos alongamentos durante os intervalos dos treinos e siga as orientações do seu treinador antes de sair correndo por aí, sozinha. Essas precauções minimizarão os riscos de lesão, que pode fazer que você precise abandonar a pista para fazer um tratamento ou, em casos mais graves, até uma cirurgia.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 313

Continue Lendo >>

Texto Helô Oliveira | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

alimentos

Cheirar alimentos antes de comer ajuda a diminuir o apetite

Foto: Danilo Borges

Cheirar alimentos antes de comê-los pode ajudar a diminuir o apetite?

Sim. Estudos indicam que, se inalarmos algo aromático, como hortelã ou baunilha, a cada duas horas, comeremos cerca de 1.500 calorias a menos por semana!

Isso acontece porque o olfato é capaz de enganar o cérebro e fazê-lo pensar que você já comeu o suficiente. “As moléculas do cheiro acionam o hipotálamo, responsável pela sensação de saciedade. Com isso, o apetite diminui”, afirma Carolina Furlani Baliere, nutricionista funcional (MG).

Passar muito tempo em contato com um só alimento, como chocolate ou peixe, também fará que você perca um pouco a vontade de comê-lo.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 313

Continue Lendo >>

Texto Carolina Caprioli | Edição Cáren Nakashima | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

exames

É preciso tomar cuidado ao tomar pílula do dia seguinte

mais de uma vez

Foto: Shutterstock

Se eu tomar a pílula do dia seguinte mais de uma vez, há risco de engravidar?

A resposta é: sim. A ação do remédio está em interromper ou inibir a ovulação, dificultando o acesso dos espermatozoides aos óvulos, mas se você vacilar mais de uma vez no mesmo mês e recorrer ao método de emergência, sua eficácia diminui, podendo resultar em uma gravidez.

Sua alta dose de hormônios, além de desregular todo o ciclo, causa náuseas, dor de cabeça e diarreia, portanto, seu uso deve ser eventual, e seus efeitos não são cumulativos.

“Se você tomar duas vezes durante o mesmo ciclo, ele ficará todo confuso, correndo o risco de haver falhas durante o processo”, diz Paulo Nowak, membro da Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (SOGESP).

Revista Corpo a Corpo | Ed. 313

Continue Lendo >>

Texto Carolina Caprioli | Edição Cáren Nakashima | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

gravidez

É preciso tomar alguns cuidados para ser mãe após os 

35 anos

Foto: SXC

Posso ser mãe depois dos 35 anos?

Os tempos mudaram e nós estamos adiando cada vez mais a maternidade, e o que você provavelmente não sabe é que quanto mais tarde você pensar nisso, maiores serão as chances de não aparecerem as duas listrinhas no teste de gravidez.

Com o passar do tempo, a fertilidade pode cair pela metade nessa idade, quando comparada aos 25 anos. Além disso, nossos óvulos também não têm mais a mesma qualidade de antes e a produção de hormônios diminui, por isso as chances de o feto não se desenvolver são maiores.

Outros fatores, como alterações cromossômicas e as condições do seu útero, também contribuem para abortos espontâneos. “O endométrio fica cada vez mais fino e se ele não funciona muito bem há uma chance menor de implantar o embrião”, esclarece Paulo Nowak, membro da Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (SOGESP).

Mas não precisa ter medo! Segundo o especialista, você pode tornar-se mãe depois dos 30, desde que adote um estilo de vida saudável, abandone qualquer vício – hora de parar de fumar, ok? –, mantenha o peso ideal (a obesidade tem uma ligação direta com a fertilidade), corrija qualquer patologia existente e faça uma avaliação pré-gestacional. Para prevenir a má-formação do tubo neural do bebê, os médicos recomendam por três meses anteriores à gravidez a ingestão de 5 mg de ácido fólico diariamente.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 313

Continue Lendo >>