A cirurgia que retira gordura das bochechas para afinar o rosto é cada vez mais procurada pelas mulheres. Confira tudo sobre o procedimento!

Texto Juliana Vaz e Marcela Zanetti | Adaptação Ana Paula Ferreira

A cirurgia consiste na retirada da gordura das bochechas, chamada bola de Bichat

Foto Shutterstock

Em busca de feições mais harmônicas ou para parecerem mais esbeltas, muitas mulheres vêm recorrendo à bichectomia, cirurgia que retira gordura das bochechas para afinar o rosto.

De acordo com Luís Henrique Ishida, cirurgião plástico e presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, essa gordura (chamada tecnicamente de “bola de Bichat”) cresce nos bebês para facilitar a sucção do leite materno. Porém, em muitos casos, não é reabsorvida pelo organismo e acaba rendendo bochechas gordinhas e um aspecto infantil. A operação também é muito procurada por pessoas que passaram por um processo de emagrecimento, mas mantiveram o volume do rosto.

Com anestesia local, é feito um corte de meio centímetro na parte interna da boca para remoção da gordura. “A paciente vai para casa no mesmo dia, o inchaço local é mínimo e o pós-operatório tranquilo, com retomada das atividades normais no dia seguinte”, diz o médico. Mas isso não quer dizer que a operação não guarde riscos. “Quando a técnica é mal executada, há o perigo de lesionar o nervo facial (e paralisar parte da face) ou atingir o ducto salivar no momento da incisão, causando um acúmulo do líquido dentro da bochecha”, avisa Luís.

Quer ver mais sobre beleza? Então corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!