Por poder desenvolver alguns probleminhas, a pele negra demanda alguns cuidados especiais. Confira quais são eles e garanta uma cútis ainda mais linda e saudável!

Por Ana Paula Ferreira | Foto Danilo Borges



Por ser mais propensa desenvolver alguns probleminhas como oleosidade, maior produção de melanina e desenvolvimento de acne, pelos encravados, foliculite e queloides, a cútis negra demanda maior atenção aos cuidados do dia a dia para que continue linda e saudável.Para te ajudar, a dermatologista Karla Assed listou 5 cuidados especiais com a pele negra. Confira!

1. Sol

Usar filtro solar, para evitar as manchas - com um FPS pelo menos de 30. Filtros com toque seco, gel, oil free.

2. Limpeza

Lavar a face pelo menos 2x dia para diminuir a oleosidade da pele. Pode ser com sabonetes secativos, que podem conter- ácido salicílico e enxofre, entre outros ativos;
 

3. Acne

Use sabonetes e loções com propriedades secativas, pois este tipo de pele tem tendência a acne. Os produtos devem ser à base de gel, toque seco, oil free e nunca em creme, pois deixa a pele mais oleosa. Deve usar ativos mais clareadores, como hidroquinona em baixa concentração, ácido kójico, ácido fítico e rejuvenescedora como ácido retinóico - que ajuda a diminuir oleosidade, ácido glicólico, vitamina C;

4. Maquiagem 

Use bases livre de óleos e finalize sempre com pó para diminuir o brilho da pele. 

5. Rejuvenescimento

Os fibroblastos, responsáveis pela formação de colágeno, são mais ativos na pele escura, retardando o envelhecimento da cútis. Mas não ignore o surgimento das primeiras linhas finas ou ruguinhas, nesta fase, aposte em cosméticos anti –idade, ideais para seu tipo de pele.