A técnica milenar chinesa originalmente conhecida por direcionar e equilibrar a energia dos ambientes foi incorporada em uma massagem facial. Saiba tudo sobre!

Por Juliana Vaz e Victoria Bassi | Adaptação Ana Paula Ferreira

O feng shui facial ajuda a realinhar a energia do organismo

Foto Shutterstock

Você já deve ter ouvido falar na técnica milenar chinesa que direciona e equilibra a energia dos ambientes, o feng shui, certo? Ela foi incorporada em uma massagem facial criada pela esteticista Roseli Siqueira, de São Paulo, que estudou o tema na França. “O rosto é dividido em pontos que precisam ser estimulados para que a energia do organismo seja realinhada e fique em harmonia. Com isso, a pele transparece vitalidade”, explica. 

São mais de 500 pontos trabalhados, entre eles as têmporas (ligadas aos relacionamentos), a testa (corresponde à carreira e viagens) e o queixo (associado à maturidade e ao envelhecimento). A terapia conta também com estímulos aromáticos (nos produtos usados na face e borrifados no ambiente) e rende pele mais macia, luminosa e hidratada – além de corpo e mente relaxados. Cada sessão com uma hora e meia de duração custa R$ 490.

Quer saber mais sobre as novidades de beleza e bem-estar? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!