Esta dieta para secar a barriga é dividida em duas fases e ajuda a emagrecer 7 kg em 32 dias, além de afinar 14 cm de cintura

Alimentos que influenciam na dieta 

Azeitonas

O fruto que dá origem ao azeite de oliva é rico em ômega-9, que participa do metabolismo, desempenhando papel fundamental na síntese dos hormônios e na regulação da produção de cortisol, uma das substâncias responsáveis pelo armazenamento de gordura na região abdominal. Trocando em miúdos: o nutriente tem o grande poder de af­inar a cintura. Além disso, é fonte de ferro, cobre, vitamina E e ­fibras que ajudam na saciedade e na digestão.

Oleaginosas e Sementes

 

Castanha-do-pará, castanha de caju, nozes, amêndoas, macadâmia, pistache, semente de linhaça, de girassol, entre outras, são ótimas fontes de vitaminas e minerais. Como são conhecidas por seu alto teor calórico, muitas pessoas evitam consumi-las, mas incluí-las no cardápio diário proporciona diversos benef­ícios ao organismo, como redução do mau colesterol (LDL) e dos radicais livres, que promovem o envelhecimento celular. Outro ponto a favor desses alimentos é o grande teor de proteína vegetal, necessária para a recuperação muscular, principalmente em atletas e idosos.

 

Abacate

A presença do ômega-9 torna a fruta uma das principais aliadas do emagrecimento, já que estudos comprovam que a obesidade é uma doença inf­lamatória e o nutriente é capaz de diminuir o estado inf­lamatório do organismo. Além disso, é fonte de f­itoesteróis, substâncias capazes de inibir a absorção e síntese do colesterol. Também é fonte de ­fibras, que auxilia no funcionamento intestinal, e confere saciedade, o que leva a pessoa a comer menos.

Chocolate amargo

A delícia é rica em antioxidantes, que ajudam a evitar o acúmulo de gordura nas células do corpo, impedindo doenças cardíacas e obesidade, segundo pesquisa recente feita em Taiwan e publicada no Journal of Agriculture and Food Chemistry, dos Estados Unidos.