Eles são considerados grandes vilões da saúde. Contudo, algumas versões podem fazer um bem enorme para o organismo. Conheça 5 deles!

Por Rita Santander | Adaptação Ana Paula Ferreira

Descubra qual é o melhor óleo para você cozinhar

Foto Shutterstock

Grandes vilãs quando o assunto é saúde, as gorduras são as primeiras a serem cortadas em um cardápio saudável. Só que há uma lista de óleos que fazem um bem enorme para o organismo, sabia? Vanderli Marchiori, nutricionista e presidente da Associação Paulista de Fitoterapia, aponta os cinco melhores óleos vegetais para serem usados na cozinha:

Azeite

É rico em vitamina E e A, tocoferóis e tocotrienóis, que atuam como antioxidantes. A vitamina A é conhecida como a vitamina da beleza, boa para a pele e para os olhos. Apesar do sabor característico, que vai bem com quase todos os pratos, ele contém gorduras saturadas e insaturadas na mesma proporção. Por isso, tempere saladas com quantidades moderadas e aposte no “fiozinho de azeite” para os refogados.

Girassol

Rico em substâncias antioxidantes, também contém boas quantidades de ácido linoleico e vitamina E. Contém triptofano, substância precursora da serotonina, hormônio do bom humor. Pode ser usado tanto em pratos frios quanto quentes, mas tem sabor marcante quando adicionado a molhos e temperos de saladas. A porcentagem de gordura saturada já é menor que a de outros óleos, em torno de 10%.

Canola

Contém ácidos graxos, ômega 6 e 3, em uma proporção equilibrada e ideal de dois para um. É considerado um dos alimentos mais saudáveis para o coração e ajuda a reduzir os níveis de colesterol e triglicérides. Além disso, é capaz de manter as plaquetas em níveis saudáveis. Tem um sabor mais leve e apenas realça o gosto de outros alimentos. Ele é especial porque apresenta o menor teor de gordura saturada dentre os óleos disponíveis (6%).

Amendoim 

As principais fontes nutritivas do óleo de amendoim são os ácidos graxos mono e poli-insaturados, as famosas gorduras do bem. Elas ajudam a diminuir os níveis de LDL, o colesterol ruim, e a manter a saúde do coração. Por conter o ômega 6, previne hemorragias e diminui a incidência de doenças neurológicas.

Soja

É uma boa fonte de ácidos graxos essenciais, aqueles que não são produzidos pelo organismo – principalmente o ômega 6. É o mais recomendado para frituras, pois é estável e tem propriedades nutricionais que não se perdem com o aquecimento.  Vale lembrar que seu sabor não é tão agradável. Sua porcentagem de gordura saturada é de 15%.

Quer saber mais sobre nutrição? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!