As fibras mantêm os níveis de açúcar do sangue controlados, evitando inflamações e descargas de insulina. Saiba mais!

Por Juliana Vaz | Adaptação Ana Paula Ferreira

A beterraba é uma ótima fonte de fibras

Foto Shutterstock

Pessoas que consomem mais fibras ao longo do dia têm 79% mais chances de envelhecer com saúde, de acordo com estudo da Universidade de Sydney, na Austrália. As fibras mantêm os níveis de açúcar do sangue controlados, evitando inflamações e descargas de insulina. 

Para facilitar a prática desse benefício, a nutricionista Carina Müller, de São Paulo (SP), dá dicas de quais alimentos são fontes desse nutriente e que, ao serem incluídos na alimentação, garantem parte do aporte necessário de fibras, que é de no mínimo 25 g por dia.

Beterraba

A cada 100 g de beterraba crua, 3,4 g são fibras. Em uma porção do legume, cerca de 4 colheres (sopa) há 2,72 g de fibras.

Brócolis 

100 g, que equivalem a uma porção de brócolis cozido, possuem 3,4 g de fibras.

Abacate

A cada 100 g de abacate, 6,3 g são de fibras. Uma porção de abacate equivale a 2 colheres (sopa), que tem 1,9 g de fibras.

Goiaba

100 g de goiaba vermelha possuem 6,2 g de fibras. Uma unidade média  (50g) tem 3,1 g do nutriente.

Quer saber mais sobre beleza? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!