Entra ano, sai ano, e elas continuam com o corpinho enxuto e lindo. E parece que não fazem sacrifício algum para manter-se assim. Sortudas? Que nada! Descubra aqui os truques para conquistar um corpo sequinho como o delas

Por Fernanda Cury

segredos-mulheres-magras

A equação é simples: some escolhas inteligentes com 

hábitos saudáveis e conquiste um corpo sequinho, sequinho

Foto: Danilo Borges

Elas parecem diferentes de nós, pobres mortais. Não falam de dieta 24 horas por dia nem se privam dos prazeres de um delicioso sorvete. Mesmo assim, entram sem dificuldades naquele jeans número 38 e ainda ficam lindas! Será que não engordam de ruindade, como diz o ditado? Nada disso. Na hora de comer, elas fazem escolhas inteligentes e mantêm hábitos saudáveis. Isso tudo como estilo de vida, sem grandes sacrifícios ou dietas radicais. Quer conhecer os segredos dessas mulheres magras e lindas? Nós revelamos logo a seguir.

As mulheres magras...

1) Investem nas fibras

Nada melhor para conter o ronco do estômago do que elas. Isso porque os alimentos ricos em fibras precisam ser bem mastigados e demoram mais a ser digeridos. Com isso, o cérebro tem tempo de receber a mensagem da saciedade e desliga o botão da fome mais rápido.

2) Começam o dia com um ovo

"O ideal é consumi-lo inteiro no café da manhã, assim você fica com menos fome nas próximas refeições. A gema é fonte de gordura monoinsaturada e ômega-3, o que ajuda a regular os níveis de açúcar do sangue, diminuindo a vontade de comer doces. Já a clara é fonte de ovoalbumina, que combate a flacidez", explica Francine Schmidt, nutricionista (PR).

3) Bebem muiiita água 

A sugestão é de pelo menos 2 litros por dia e a melhor hora para consumi-la é antes das refeições, pois diminui o apetite e evita o consumo excessivo de calorias.

4) Investem nas frutas

As magras já descobriram que adicionando uma maçã à vitamina de aveia, garantem os benefícios de uma fibra chamada pectina, que tem poder quase mágico de diminuir o apetite. Essa fibra solúvel, presente não apenas na maçã como também no limão, na ameixa, goiaba, laranja, tangerina e no pêssego, absorve água e forma uma camada gelatinosa, que retarda o esvaziamento do estômago e ajuda a controlar a fome.

5) Jamais se deitam logo após a refeição 

Especialmente se você exagerou nas massas. Os carboidratos simples caem rapidamente no sangue, elevam o pico de glicose e estimulam a produção de insulina, hormônio que ajuda a acumular gordura pelo organismo.

6) Jamais pulam uma refeição

"Quando pulamos uma refeição e nosso estômago fica vazio, a grelina, hormônio que sinaliza a fome, manda para o cérebro a seguinte mensagem: coma o que puder, pois estamos com o estoque muito baixo", explica Roseli Rossi, nutricionista da Clínica Equilíbrio Nutricional (SP).

7) Não fogem dos carboidratos

Elas sabem que a falta deles no cardápio pode trazer consequências graves ao organismo, facilitando o estresse, a ansiedade, o cansaço e a depressão. “Além disso, cortar totalmente os carboidratos durante um período, e depois voltar a consumi-los à vontade, faz que o corpo recupere os quilos perdidos rapidamente”, explica Francine Schmidt.

8) Comem em um prato menor e bem devagar

Assim elas reduzem o consumo dos alimentos de forma tranquila e imperceptível. Visualmente você estará comendo um prato cheio, mais vai diminuir a quantidade de calorias consumidas. Além disso, a cada garfada mastigue bem os alimentos. “Faça-o cerca de 30 vezes, para que o organismo envie a mensagem de saciedade ao cérebro”, explica Ana Paula Martins, nutricionista da Clínica B’Green (SP).

9) Substituem uma refeição por um shake

Eles proporcionam a sensação de saciedade, fornecem todas as necessidades nutricionais e são superpráticos.

10) Encontram um esporte para chamar de seu

Pode ser ioga, natação, pilates, tanto faz. O importante é descobrir uma atividade física prazerosa, para você queimar calorias e se divertir.

11) São equilibradas durante sete dias por semana

"Se contabilizarmos o total de um ano, os dias que compreendem o fim de semana chegam a 104. Se em cada dia destes você incluir 100 calorias a mais da recomendação (algo bem fácil), no final de um ano você terá engordado cerca de 1,5 quilo sem perceber", alerta Samantha Macedo, nutricionista da Equilibrium Consultoria (SP).

12) Ingerem cálcio

 Pesquisas comprovam que a falta de cálcio no organismo estimula acúmulo de gordura, principalmente a abdominal. Por outro lado, o consumo adequado inibe a produção de cortisol, hormônio que pode ser responsável por aqueles quilos a mais. O ideal é consumir 1.200 mg de cálcio por dia. Esta quantidade equivale a três copos de leite mais uma fatia de queijo.

13) Comem chocolate, sim!

Mas apenas uma barra pequena, e de chocolate amargo. Elas jamais devoram bombons ou barras de chocolate recheados. "E chupe o chocolate em vez de mastigá-lo", ensina Roseli Rossi. 

14) Carregam lanchinhos

Elas sabem que combinar alimentos ricos em carboidratos, como frutas ou cereais integrais, com alimentos ricos em proteínas ou gorduras do bem é uma ótima saída para manter a sensação de saciedade por mais tempo. Coma damascos secos com nozes, iogurte desnatado com aveia em flocos e pão integral com azeite de oliva.

15) Consomem alimentos light, mas sem exagerar

Produto light não significa que não tem calorias, açúcares ou gorduras. Significa apenas que eles têm esses nutrientes reduzidos. Por isso, devem ser consumidos com moderação.

16) Chamam o garçom

Quando vão ao restaurante, elas pedem para o garçom retirar seu prato assim que se sentem satisfeitas (algo muito diferente de sem fome).

17) Comem pipoca para diminuir a fome

Em um estudo apresentado na conferência americana Experimental Biology, em 2009, as pessoas que comeram 1 xícara (chá) de pipoca antes do almoço consumiram 100 calorias a menos durante a refeição do que aquelas que mataram a fome com batata chips, por exemplo.

18) Mantêm o corpo bronzeado

O bronzeamento tem um dom ilusionista. Por isso, grande parte das mulheres se acha mais magra quando está com a pele dourada.

19) Sobem na balança

As magrinhas sabem que subir na balança funciona como estimulante para manter o peso sob controle. Uma pesquisa, feita pelo Rregistro Nacional Americano de Controle do Peso (NWCR, em inglês), constatou que quase metade dos que se mantiveram 25 quilos mais magros durante pelo menos um ano se pesava diariamente. O hábito pode ser motivador, mas atenção: a conduta só não pode virar obsessão.

20) Não pensam em comida

Você é fã daqueles programas de culinária em que o chef ensina a preparar pratos sedutores? Esqueça as receitas. A mera visão de um cheesesalada é capaz de desencadear um efeito de "fome psicológica" prejudicial à sua dieta.

21) Apostam na granola

Estudo da Universidade Purdue, em Indiana, nos Estados Unidos, provou que vale substituir uma refeição por uma boa tigela de cereais com leite. Graças a ela, em duas semanas os participantes do teste consumiram uma média de 640 calorias diárias a menos do que o habitual e perderam cerca de dois quilos.

22) São determinadas

Elas desejam entrar na calça jeans número 38 e fazem todos os esforços para alcançar seus objetivos. Para elas, realizar esse sonho dá mais prazer do que devorar um pratão de lasanha.