Apresentadora, empresária, esposa, a mãe de dois filhos (Lucas, 13 anos, Lorenzo, um ano e dois meses) revela nesta entrevista exclusiva como divide o tempo para se dedicar a tudo com empenho — e ainda, como conseguiu tirar proveito do gosto pela atividade física para secar 27 quilos da última gestação em sete meses

Reportagem: Fabiana Gonçalves
  

Luciana Gimenez

Para continuar magra é preciso ser disciplinada. Comigo
não tem essa de lei da compensação. Por isso, raramente
saio da dieta
Foto: Danilo Borges

Existem pessoas que a gente fica, no mínimo, sem entender como conseguem melhorar — ainda mais — o corpo com a idade e depois da segunda gestação. Principalmente quando essa está próxima aos 40 anos... Pois é, uma dessas pessoas eu conheço pessoalmente e tive o prazer não apenas de entrevistar, mas também de conferir de perto, e de biquíni, para que ninguém diga depois que foi algum artifício de Photoshop.

Bem, me refiro a ninguém menos do que a apresentadora do SuperPop, Luciana Gimenez. Aos 41 anos de idade, ela consegue estar com o corpo ainda mais enxuto e definido do que antes da gravidez — e olha que ela foi capa da Corpo a Corpo pouco mais de dois anos atrás, antes da gestação de Lorenzo, de um ano e dois meses — como você pode conferir nas páginas seguintes. Mas foi só eu provar uma fatia de quiche de alho-poró que ela me chamou a atenção e disse: “Você perguntou como eu me mantenho magra? Então, eu nunca como nada disso”.

Naquele momento eu não tive a menor dúvida de que Luciana é regradíssima. “Não é que não goste das coisas boas da vida, como tomar um bom vinho, provar um doce, saborear com vontade um sorvete, mas tudo isso engorda quando você passa dos 30 anos. Depois dos 40, como é o meu caso, esse processo é muito, mas muito mais rápido ainda”, entrega. “E eliminar tudo isso já não é tarefa fácil como aos 20, pelo contrário. Então, o jeito é me privar mesmo!”, revela. “A não ser quando viajo, aí o meu marido (Marcelo de Carvalho, vice-presidente da Rede TV!) me pede para soltar um pouco as rédeas. Até porque, ele não quer beber vinho sozinho, né?”, brinca.

Mas no dia a dia ela consegue ser assim, determinada, focada em tudo o que faz, e isso inclui a dedicação aos dois filhos, pois mesmo sendo uma pessoa pública, ela tenta passar a maior parte do tempo livre com eles; ao trabalho e ao marido, sem esquecer a ginástica, que, aliás, faz parte da sua vida desde os 14 anos. “Não vejo a atividade física como um sacrifício. Sempre gostei de me dedicar com afinco. Faz bem”, revela a apresentadora, que agora tem restringido o tempo que sobra para fazer ioga, corrida e musculação. E mesmo sem muito tempo para fazer dos tratamentos estéticos uma rotina, ela de vez em quando se dá o prazer de realizar um ou outro...