A pentacampeã mundial de jiu-jítsu, Kyra Gracie, conta os segredos que mantêm seu corpo definidíssimo mesmo depois da gravidez e longe das competições

Texto Bárbara Rossi | Adaptação Ana Araujo

Kyra Gracie conta segredos para o corpo definido

Além do Jiu-jítsu, Kyra Gracie adotou o ioga e treino funcional

Foto: Alex Santana

Kyra Gracie já nasceu com sangue de atleta: sua família foi responsável por trazer e divulgar o jiu-jítsu ao Brasil e conta com três gerações de campeões. O envolvimento com o esporte começou cedo, quando, aos 11 anos, participou de seu primeiro campeonato. “No começo era uma brincadeira de criança. Encarava as competições como a diversão do fim de semana. Quando comecei a levar a sério, alguns tios e primos não gostaram da ideia, porque acreditavam que luta era coisa de homem. Bati o pé e hoje eles são meus maiores incentivadores”, lembra.

Aos 19 anos, ganhou seu primeiro Campeonato Mundial e, sete anos depois, já era pentacampeã! O resultado foi obtido com muito empenho – para se preparar para os torneios, Kyra praticava, além do jiu-jítsu, natação, musculação e judô. “Chegava a treinar até oito horas por dia, sem desanimar”, conta. Porém, com a descoberta da gravidez, a atleta decidiu deixar as competições para trás e focar na família (Kyra mantém um relacionamento com o ator Malvino Salvador desde outubro de 2013). “Dei uma freada na minha rotina de exercícios. Agora, faço jiu-jítsu e treino funcional três vezes por semana e, às vezes, ioga”, afirma.

Seu cardápio é baseado na Dieta Gracie, criada por seu bisavô, Carlos Gracie, e que usa tabelas de itens que combinam entre si para uma alimentação rica em nutrientes. “Aprendi a ter hábitos alimentares saudáveis desde pequena, nunca encarei como um esforço. Não costumo ingerir comida industrializada ou gordurosa e dou preferência a comidas orgânicas”, conta.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 321