Saber o que consumir dentro e fora da piscina pode ajudá-la a melhorar o seu desempenho e até enxugar aquelas gordurinhas a mais

Reportagem: Karine César

natação turbinada

Antes, durante e depois da natação, o cuidado com a alimentação deve ser redobrado
Foto: Shutterstock 


A nutróloga Liliane Oppermann deu algumas dicas de como se alimentar corretamente em cada momento do treino e melhorar ainda mais o seu desempenho dentro das piscinas. Confira!

Antes
-
Evite o consumo de gordura uma hora antes, ou até mesmo a proteína. O aconselhável é somente ingerir carboidratos, como torradas, um copo de suco ou uma fatia de bolo, mas sem abusar!
- Não pratique natação com o estômago vazio. Exercitar-se sem ingerir nada pode provocar fraqueza e diminuir o rendimento.

Durante
-
A vontade de beber água é menor em pessoas que praticam esportes aquáticos. Mas o risco de desidratação é maior por conta disso. A dica é deixar uma garrafa de água na beira da piscina e sempre beber nas pausas do treino.
- Em vez da água, é possível também ingerir líquidos esportivos e carboidratos. Acrescentá-los durante o exercício adia o cansaço e prolonga as atividades na água.

Depois
-
Procure fazer uma refeição que contenha carboidratos, lipídeos e proteínas com objetivo de repor os nutrientes perdidos.
- Com a hidratação, o procedimento é o mesmo. Isso ajuda a acelerar a recuperação, deixando a praticante pronta para outra aula de natação em 24 horas.