Renata Spallicci, de 35 anos, conquistou diversos títulos em campeonatos por seu corpo em forma. Conheça a história da leitora e inspire-se!

Por Victoria Bassi | Adaptação Ana Paula Ferreira

Antes de depois de Renata Spallicci: -13% de gordura corporal!

Foto Arquivo Pessoal

Quem vê Renata Spallicci, 35 anos, como diretora executiva da farmacêutica da família não imagina que ela tem uma carreira no bodybuilding tão bem-sucedida quanto na empresa. Fissurada em balé desde criança e de musculação já quando adulta, ela demorou para perceber que a alimentação – à base de pizza, hambúrguer e milk shake até os 20 e poucos anos – boicotava suas tentativas de estabilizar o peso. Ela sofria com o efeito sanfona e chegou a pesar 14 kg a mais do que hoje. Foi uma viagem ao Rio de Janeiro que a inspirou a virar o jogo. “Quando vi aquelas mulheres saradas na praia, quis abandonar a vida que estava levando”, lembra.  

De volta a São Paulo, onde mora, procurou um personal trainer e uma nutricionista, que a ajudaram a manter o foco nos resultados que desejava alcançar. Afinal, com a rotina profissional agitada, essa era a principal dificuldade.  O treinamento estruturado e a vontade de se desafiar sempre mais fizeram nascer em Renata o desejo de competir como fisiculturista.

No início, conciliar o esporte e a carreira foi caótico, já que as duas rotinas demandam muita dedicação. Mas ela tirou de letra: no primeiro campeonato de que participou (o World Beauty Fitness and Fashion, nos Estados Unidos), em passado, terminou como terceira colocada. Voltou para casa com a meta de tentar outra vez e sair de lá campeã, o que aconteceu em dezembro último: trouxe para o Brasil não apenas um, mas três títulos, entre eles o primeiro lugar na categoria Diva Fitness Model +35.

Sem uma organização minuciosa da agenda, disciplina e jogo de cintura, a conquista não teria sido possível, ela fala. Durante a semana, Renata treina uma hora pela manhã, prepara as refeições do dia (com direito a pesar detalhadamente cada porção) e vai trabalhar. “Às vezes, saio de casa com cinco marmitas!”, conta. De alguma forma, toda a sua equipe na empresa acaba se adequando à rotina da chefe.  “Hoje fico menos presente fisicamente, mas fazemos reuniões via Skype, trocamos muitos e-mails e o trabalho rende sem percalços.”

A empresária e bodybuilder encontrou seu propósito de vida e direcionou o estilo de vida a ele: não bebe álcool, tem uma alimentação balanceada e uma rotina de treino regrada. Entre tantos afazeres, ainda encontrou tempo para desenvolver um trabalho social e motivacional, em que incentiva as pessoas, por meio de palestras, eventos e um blog (o renataspallicci.com.br) a viver com bem-estar e descobrir aquilo que as faz felizes.  “O retorno das pessoas é um combustível para mim”, vibra.

Os segredos do sucesso da Renata

Autoconhecimento 

“Não existe uma receita única de como ser saudável. Cada pessoa precisa encontrar sua motivação para buscar o físico e o estilo de vida que quer ter. Para isso, é preciso que corpo, mente e alma estejam em equilíbrio.”

Planejamento

“Estabelecer metas realistas e se programar para cumpri-las é fundamental para não cair na cilada nem perder o foco, seja qual for o seu.”

Perdas e ganhos 

“A vida é feita de decisões e é importante lembrar que cada escolha é uma renúncia, não tem jeito. Se quer um corpo melhor, será necessário abrir mão de alguma coisa. Pode doer, mas é compensador.”

Quer conferir mais inspirações? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!