Estudo americano apontou que a técnica aumenta o fluxo sanguíneo, realinha as fibras musculares e retira as toxinas dos músculos

Por Karine César | Foto Shutterstock | Adaptação Ana Paula Ferreira

A massagem esportiva é mais profunda e intensa que a

tradicional / Foto Shutterstock

Pesquisas mostram que a massagem esportiva pode acelerar a recuperação e reduzir o cansaço muscular decorrente de muito exercício. Segundo a American Massage Therapy Association, nos Estados Unidos, a técnica aumenta o fluxo sanguíneo, realinha as fibras musculares e retira as toxinas dos músculos. Além disso, um corpo relaxado está menos propenso a sofrer distensões e lesões do que outro tenso. 

Mas lembre-se: a massagem esportiva é mais profunda e intensa que a tradicional. Por isso, algumas pessoas sentem certo desconforto no início. A dica é para que você procure um profissional especializado na atividade que você pratica. Assim, fica mais fácil ele identificar os pontos críticos no corpo, ou seja, aqueles que são mais sobrecarregados.

Quer saber mais sobre treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!