Se você passou por um dia difícil e não sabe se ao fim dele é melhor treinar ou descansar, veja qual a melhor forma de resolver esta dúvida!

Por Diana Cortez | Adaptação Ana Paula Ferreira

Ir treinar ou não após um dia difícil é uma decisão pessoal, já que cada pessoa reage a

diferentes estímulos / Foto Shutterstock

No fim de um dia muito estressante, é melhor treinar ou descansar?

A decisão é pessoal e deve depender da maneira como cada pessoa reage a diferentes estímulos. “Algumas vezes, o estresse mina nossa energia, a cabeça não desliga dos problemas e o treino não rende”, fala o preparador físico Marcio Atalla. “Em outras, o exercício ajuda a colocar a tensão para fora, deixando o corpo e a cabeça mais leve.” 

Para não deixar que o cansaço atrapalhe, o melhor é ter uma programação diária de treino, sono e refeições e tentar manter sempre os mesmos horários para cada atividade. Com isso, o corpo acaba funcionando como um relógio e consegue aproveitar os benefícios da ginástica – aliviar o estresse, melhorar o humor e o sono e ganhar disposição para o dia a dia.

Quer saber mais sobre treino? Então, corra para as bancas ou garanta a sua Corpo a Corpo aqui!